Histórias reais

Para nos fazer acreditar que é possível ter um amor saudável, feliz e duradouro, nada melhor do que ler histórias reais*. Percebemos, através delas – histórias comuns com alegrias e tristezas – que o amor muitas vezes não é fácil de ser vivido. Podem acontecer reviravoltas, tropeços e momentos difíceis, mas sempre é possível uma transformação.

Clique nos nomes abaixo para ler as histórias:

 

Fábio e Daniel (34, 35): “Daqui a duas semanas faremos 9 anos de relacionamento. Quando se pensa em uma relação homossexual, logo se imagina uma vida de promiscuidade. Até hoje, quando vamos fazer doação de sangue, se você se diz homossexual ou se você, mesmo sendo heterossexual, tiver mais de dois parceiros ao ano, é considerado (…)”

 

 

Leila e Mendel (51, 51): “Conhecemo-nos da maneira mais indesejada possível, porque sempre imaginamos conhecer alguém através do amigo de um amigo, no trabalho ou ainda através de um vizinho gato que acabou de se mudar, fantasias da busca por um amor!!! A verdade é que nem sempre as coisas acontecem conforme imaginamos ou desejamos (…)”

 

 

Juliana e Mariano (30, 36): “A nossa história começou em 2003. Uma amiga em comum achou que a gente deveria se conhecer pois tínhamos muito em comum: ele estava na faculdade de psicologia e eu estava fazendo vestibular para psicologia; ele tinha cabelo azul e eu queria pintar o cabelo de azul; entre outras coisas. Nem ela imaginava que daríamos tão certo assim!”

 

 

 

Quer ter a sua história de amor publicada aqui? Mande para o e-mail queroumamorsaudavel@gmail.com!

 

*em algumas histórias os nomes estão substituídos e as fotos são fictícias para garantir a privacidade solicitada pelo autor.